Pular para o conteúdo principal

Hoje é:

Moçambique perde reputação como destino de investimento externo, diz EIU

MOÇAMBIQUE | Analistas britânicos da Ecconomist Intelligence Unit (EIU) – uma organização que faz estudos e a análises económicas do comportamento das economias de todo o mundo – concluíram, recentemente, que a situação de endividamento insustentável e que havia sido mantido escondido pelo Governo acabou com a reputação do país enquanto um potencial destino de investimento externo (os níveis de 5.2 e de 7.0 biliões de dólares em de 2012 a 2014 tinham tornado Moçambique no segundo país africano que mais captou investimento externo).



Na sua mais recente análise sobre a economia moçambicana, a EIU revela que “o desastre da dívida tem atenuado significativamente a confiança dos investidores” e que “a lentidão dos fluxos de investimento podem dificultar a Moçambique o financiamento do seu défice em conta corrente (comércio com o exterior, incluindo doações desfavoráveis a Moçambique), levando a uma maior pressão sobre as reservas cambiais e o metical, ou seja, o que se pode esperar é que o metical continue a depreciar-se em relação ao dólar norte-americano, o que vai encarecer ainda mais o custo de vida, visto que as importações ficam mais caras, num contexto em que o país tende a produzir menos e a depender de importações para cobrir o défice produtivo.

A EIU chama atenção também para aumentos das taxas de juro, que agravarão o já alto custo do dinheiro no mercado moçambicano. Calcula que o défice em conta corrente poderá ultrapassar 30% do Produto Interno Bruto (PIB - valor de toda a riqueza produzida no país); as reservas externas podem cair para menos de três meses de importações de bens e serviços (excluindo os megaprojectos) e o metical pode depreciar em cerca de 35% em relação ao ano passado. “A capacidade da economia para suportar esta situação é incerta”, alerta a EIU.

Além disso, as prespectivas de médio prazo do país estão intimamente ligadas ao desenvolvimento de projectos de gás natural financiado por dívida contraídas a empresas estrangeiras; “enquanto as empresas estrangeiras não abandonarem os seus projectos, o sentimento negativo em torno Moçambique torna improvável que estas empresas vão correr para os mercados financeiros no curto prazo”, sublinha a EIU no relatório.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Texto expositivo explicativo

Texto expositivo explicativo é um texto que visa dar a conhecer fazer saber compreender um determinado assunto. É um texto cujo intenção da comunicação se prende essencialmente com conhecimento da realidade a respeito da qual oferece um saber. A finalidade é de informar transmitir conhecimento aos destinatários.

Texto Expositivo-Argumentativo

Argumento é um raciocínio lógico destinado a provar ou refutar uma informação. Ou ainda, "Um argumento pode ser definido como uma afirmação acompanhada de justificativa (argumento retórico) ou como uma justaposição de duas afirmações opostas, argumento e contra-argumento (argumento dialógico) ." E "Na lógica, um argumento é um conjunto de uma ou mais sentenças declarativas, também conhecidas como proposições, ou ainda, premissas, acompanhadas de uma outra frase declarativa conhecida como conclusão ."

Conheça as 9 melhores universidades de Moçambique

Ranking Académico:Segundo a pesquisa produzida pelo Webometrics Ranking of World Universitiescom a iniciativa de Cybermetrics Lab (Conselho Nacional de Pesquisa Espanhol), que fornece informações sobre o desempenho das Universidade de todo o Mundo, fez uma analise nesse ano de 2016 das melhores Universidade do Mundo e nós extraímos da lista as melhores de Moçambique, confira:

Notícias de Moçambique

Notícias de Moçambique
MOZNEWS

Será África berço da Humanidade?

Será África berço da Humanidade?
O Continente Africano é considerado o berço da Humanidade porque nele foram encotrados os primeiros registos fósseis mais antigos. Veja o artigo Completo clicando na Imagem!